9 de jul de 2014

Seria diferente?


Às vezes me pego pensando como seria minha vida se eu não tivesse ido ao Japão. Eu teria terminado o ensino médio na época que eu teria que ter terminado, mas e aí? O que será que teria acontecido? Uma resposta eu sei: não teria conhecido pessoas maravilhosas que conheço hoje e, consequentemente, nem ele.
Fora que antes de ir pra lá eu estava horrível! Digo, espiritualmente. Não estava vendo graça em nada, nem em viver. Sério. Estava vivendo por viver sem dar um pingo de importância.
Ir para lá me ajudou em muita coisa, mas às vezes sinto que perdi muito tempo da minha vida, sabe? Mas aí eu também não sei se ter ficado aqui teria mudado em algo já que minha vida se resume a trabalho, trabalho e mais trabalho.

Tem horas que sinto um pouco de raiva de mim porque eu meio que me acomodei no meu estilo de vida que é só trabalhar, trabalhar e trabalhar duro. Se estou satisfeita? Nem eu mesma sei... Assim, não estou reclamando porque graças a Deus tenho um sustento, mas será que é para eu continuar mesmo só nisso? Só para esclarecer: sou uma pessoa feliz, ok?!
Como acostumei a só trabalhar direto, me dá a impressão que não sei fazer mais nada, sabe? Tipo, meio que acabo achando que não tenho perspectiva de vida, entende? Parece que sirvo apenas para o serviço "braçal"... Culpa da minha mãe? Não sei, talvez, ela nunca nos estimulou a pegar pesado nos estudos, nunca... Sempre focou a gente mais é no trabalho mesmo.

Em comparação ao que eu era na adolescência, estou bem. Gosto de mim, tô tranquila em relação a algumas coisas.

O que me desmotiva é que nem sempre parece que eu recebo o apoio que gostaria, sabe? Minha mãe acaba me chateando às vezes, ela meio que me desanima toda vez que digo que estou pensando em voltar a estudar... Isso não tá certo.

Mas dessa vez resolvi que vou mesmo voltar a estudar. O problema é que vou "perder" 3 anos da minha vida e se eu resolver fazer faculdade, lá se vai mais 4 anos. Tá, nada de pensar em números! Confessar que estou com um pouco de vergonha na verdade, mas vamos lá!

O que eu sou? Qual o meu futuro? O que estou fazendo é o certo? Tem horas que parece que estou desperdiçando a minha vida... Ah como eu detesto quando dá esses panes na minha cabeça!! O problema maior é que sou relaxada e acabo escolhendo ficar só na minha zona de conforto mesmo >_<

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como Pode?

Uma vez estava conversando com uma amiga, falando das coisas que estava passando com o coiso (sim, sempre vou me referir a ele desse j...