7 de jul de 2014

Coisas e pessoas


Como podem ver, sempre sou super criativa nos títulos dos meus posts! Fazer o quê? xD

Então, pessoas são complicadas, aliás, nós temos a mania de complicar o que poderia ser muito mais simples. Mas não, às vezes pensamos demais no bendito "E se" e acabamos não fazendo nada. Medo de fracassar, medo de errar, medo de perder a pessoa por algum deslize...

Ultimamente, um amigo tem me perguntado algumas coisas sobre relacionamento, ou mesmo vejo algum post sobre e resolvo colocar o meu ponto de vista. Vou falar sobre algumas coisas que aprendi, vejam bem, é a minha opinião, ok?!

Uma das coisas que acho mais importante: seja você mesmo! Sim, nada de ficar fingindo ou disfarçando, seja você! Mostre o que você realmente é! Se a pessoa gostar de você, ela vai ficar. Ela tem que gostar de você como um todo e não só da sua aparência. E aí me dizem "Ah, mas isso não é lá tão fácil, Yah!", eu sei que não, mas ó, dica da tia Yayoi aqui: não tem nada melhor nesse mundo do que poder ser você mesmo! Sério! Eu já fui de querer ser o que não sou e não mostrar esse meu lado, hm, digamos, grossa. Não queria por medo de não gostarem de mim, de ficar sozinha e tal. Mas e aí? Arranjei alguém nessa época? NÃO! Então chegou a época em que eu pensei "Dane-se! Vou ser eu mesma! Gosta quem quiser!" e eis que agora estou aqui! Firme, forte e com alguém que gosta de como eu sou verdadeiramente!

Outro fator importante (tá, acho que tudo vai acabar sendo importante xD): Sinceridade sempre! Sinceridade 100% o relacionamento TODO, começo, meio, enquanto durar. Converse sobre tudo, fale tudo aquilo que acha, mesmo que sua opinião seja diferente. Exponha, mas não imponha!
Não impor é bem importante também! Você gosta que imponham sobre a sua opinião? Não, né? Então não faça com os outros!

 Deixei o que acho mais importante, para o final: CONFIANÇA. Sim, EU, Yayoi Maruyama, acho esse o fator mais importante em uma relação, seja lá qual for. Confiança é a base de tudo. Pra mim, confiança e sinceridade andam juntas! Afinal, sem a sinceridade não há como haver confiança, não tem como surgir isso. Isso tem que partir dos dois! Um tem que passar isso para o outro!
Se a mulher é quem está com medo, que foi o meu caso, cabe o homem conversar e tirar isso dela! Tem que fazer com que ela se sinta segura. Se o homem é quem se sente inseguro, acho que deve ser a mesma coisa, não sei. Agora, se o casal está inseguro, eu aconselho a ficar cara a cara, expor TODOS os medos e juntos achar uma solução. Digo, não seria bem uma solução, seria fazer com que a pessoa não tenha mais esse medo. Vou tentar explicar me usando, mas não que isso tenha necessariamente acontecido: eu falei pra ele que tinha medo que ele se envolvesse com outras mulheres, que eu não fosse o suficiente e ele falou para eu ficar tranquila porque ele não estava à procura de ninguém, que estava sossegado e que gosta muito de mim para procurar alguém. Eu acreditei e aliviei, mas isso só funciona se há o que? Confiança!

Bom, acho que é isso. Eu só posso falar do que eu aprendi nesse tempo aí, nisso que vem acontecendo. Se fosse antes, eu seria mais cética e falaria apenas o que acho, agora eu coloco meu ponto de vista do que vivi e não apenas o que acho.

E e isso! =)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Como Pode?

Uma vez estava conversando com uma amiga, falando das coisas que estava passando com o coiso (sim, sempre vou me referir a ele desse j...