24 de out de 2016

Cultura do Desapego?


Não é estranho o quanto a gente se contém quando temos um contatinho novo? Às vezes queremos só conversar, mas evitamos mandar mensagem primeiro com receio de que o contatinho nos ache grudenta, pegajosa, carente, né? O mais “engraçado” disso é que os homens não perdem a oportunidade de exigir nossa atenção, independente de já ser um crush ou alguém que acabamos de adicionar no WhatsApp.

Nos conter, não poder demonstrar algo por receio de como o cara possa interpretar, não é certo, ou eu pelo menos não acho.

Muitas vezes achamos que não temos o direito de exigir algo porque não estamos em um relacionamento sério, é só ficada ou algo por aí, mas podemos sim, viu? Não é nada legal aceitar que o cara suma e apareça quando bem quiser como se nada tivesse acontecido. Pedir um pouco de atenção para a pessoa que trocamos fluídos corporais não tem nada demais! Aliás, dar atenção é o mínimo que a pessoa tem que fazer. Trocando fluídos ou não, ser amigo e conversar é o mínimo que qualquer pessoa tem que fazer.

Muitas vezes também achamos que não somos nada, que não merecemos atenção e que só por ter uma pessoa interessada na gente, temos que estar agradecidas e esperar que a pessoa apareça, mesmo que isso signifique atacar a ansiedade.

Nós somos merecedoras do melhor, sempre! Se estamos em um relacionamento queremos falar com aquela pessoa, perguntar como ela está ou como foi a viagem de negócios ou a prova na faculdade. Isso não é ser grudenta, isso é apenas uma conversa entre amigos. Se o cara achar que somos grudentas pelo simples fato de perguntar como foi a prova na faculdade, já é um belo motivo de nós nos afastarmos, né? Afinal, como ficar com uma pessoa que se sente pressionado por uma simples pergunta?

Nós merecemos respeito e devemos respeitar o espaço alheio também. Você pode deixar ele quieto no canto dele sim, mas isso se você realmente quiser e não porque está com medo da reação dele. Acho que se um relacionamento começa com “medo”, não é um bom sinal. O medo coloquei entre aspas porque eu entendo esse receio. Nós sempre ficamos com o pé atrás com qualquer atitude que vamos tomar em se tratando da relação com o cara. Depois de alguns acontecimentos, eu deixava de puxar papo perguntando como a pessoa está, mas com o tempo eu percebi que não e o certo. No caso, percebi com a pessoa que estou agora.


O que posso recomendar a vocês é: puxe papo mesmo que ele não puxe, não tenha medo, não se contenha. Mas ó, isso não quer dizer que você deva rastejar e se humilhar, ok? Tudo dentro dos seus limites e dos limites dele também. Tenha apenas em mente que você é maravilhosa e merece ser respeitada sempre. 

Um comentário:

  1. Olá, tudo bem?
    Encontramos o seu blog, e o achamos incrível! Ótimo conteúdo!
    Temos um site pertinente aos assuntos que você costuma postar.
    Queremos promover os seus artigos em nossas redes sociais (Facebook, GooglePlus etc.) Por isso, gostaríamos de iniciar um contato contigo.
    Você tem interesse?

    Por favor, aguardamos o seu retorno por este e-mail contato@cortejando.com


    Abraços,
    Lindas Frases de Amor

    ResponderExcluir